Ricardo Giuliani

Nascido em Quaraí/RS em 1963. Advogado, especialista em direito privado pela PUC/RS, mestre e doutor em direito pela UNISINOS/RS. Professor Universitário (vinculado a UNISINOS onde lecionou Direito Penal, Constitucional, Teoria Geral do Processo e Teoria Geral do Direito).

É autor dos seguintes livros: “O devido processo e o Direito devido: Estado, processo e Constituição”. Porto Alegre. Ed. Veraz. 2008; “Imaginário, Poder e Estado – Reflexões sobre o Sujeito, a Política e a Esfera Público. Porto Alegre. Ed. Verbo Jurídico. 2009; “Pedaços de Reflexão Pública – Andanças pelo torto do direito e da política. Porto Alegre. Ed. Verbo Jurídico. 2009; “Nas Coxias do Poder”, Editora Dublinense, 2012 (finalista do Prêmio Açorianos na categoria Crônicas) e “Não somos tão bacanas assim”, em conjunto com Gustavo Machado, Ed. Dublinense, 2013.

Possui Obra – “Yoko” – no acervo do Museu de Arte do Rio Grande do Sul – MARGS. como artista plástico participou de mostrar coletivas e individuais, tendo sido selecionado em edital público para o 20 Salão de Artes Plásticas de Porto Alegre, para a “Seleção da Chico” (Associação Chico Lisboa de artistas Plásticos) e Arte+Arte, Expressões da Liberdade, mostra no Museu do Mercosul em Porto Alegre, entre outras.